quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Carta a um jovem internauta


Sei que você passa longas horas no computador navegando a bordo de todas as ferramentas disponíveis. Não lhe invejo a adolescência. Na sua idade, eu me iniciava na militância estudantil e injetava utopia na veia. Já tinha lido todo o Monteiro Lobato e me adentrava pelas obras de Jorge Amado guiado pelos "Capitães de areia".
A TV não me atraía e, após o jantar, eu me juntava à turma de rua, entregue às emoções de flertes juvenis ou sentar com meus amigos à mesa de uma lanchonete para falar de Cinema Novo, bossa nova – porque tudo era novo – ou das obras de Jean Paul Sartre.
Sei que a internet é uma imensa janela para o mundo e a história, e costumo parafrasear que o Google é meu pastor, nada me há de faltar...
 O que me preocupa em você é a falta de síntese cognitiva. Ao se postar diante do computador, você recebe uma avalanche de informações e imagens, como as lavas de um vulcão se precipitam sobre uma aldeia. Sem clareza do que realmente suscita o seu interesse, você não consegue transformar informação em conhecimento e entretenimento em cultura. Você borboleteia por inúmeros nichos, enquanto sua mente navega à deriva qual bote sem remos jogado ao sabor das ondas.
Quanto tempo você perde percorrendo nichos de conversa fiada? Sim, é bom trocar mensagens com os amigos. Mas, no mínimo, convém ter o que dizer e perguntar. É excitante enveredar-se pelos corredores virtuais de pessoas anônimas acostumadas ao jogo do esconde-esconde. Cuidado! Aquela garota que o fascina com tanto palavreado picante talvez não passe de um velho pedófilo que, acobertado pelo anonimato, se fantasia de beldade.
Desconfie de quem não tem o que fazer, exceto entrincheirar-se horas seguidas na digitação compulsiva à caça de incautos que se deixam ludibriar por mensagens eróticas.
Faça bom uso da internet. Use-a como ferramenta de pesquisa para aprofundar seus estudos; visite os nichos que emitem cultura; conheça a biografia de pessoas que você admira; saiba a história de seu time preferido; veja as incríveis imagens do Universo captadas pelo telescópio Hubble; ouça sinfonias e música pop.
Mas fique alerta à saúde! O uso prolongado do computador pode causar-lhe, nas mãos, lesão por esforço repetitivo (ler) e torná-lo sedentário, obeso, sobretudo se, ao lado do teclado, você mantém uma garrafa de refrigerante e um pacote de batatas fritas...
Cuide sua vista, aumente o corpo das letras, deixe seus olhos se distraírem periodicamente em alguma paisagem que não seja a que o monitor exibe.
E preste atenção: não existe almoço grátis. Não se iluda com a idéia de que o computador lhe custa apenas a taxa de consumo de energia elétrica, as mensalidades do provedor e do acesso à internet. O que mantém em funcionamento esta máquina na qual redijo este artigo é a publicidade. Repare como há anúncios por todos os cantos! São eles que bancam o Google, as notícias, a wikipédia etc. É a poluição consumista mordiscando o nosso inconsciente.
Não se deixe escravizar pelo computador. Não permita que ele roube seu tempo de lazer, de ler um bom livro (de papel, e não virtual), de convivência com a família e os amigos. Submeta-o à sua qualidade de vida. Saiba fazê-lo funcionar apenas em determinadas horas do dia. Vença a compulsão que ele provoca em muitas pessoas.
E não se deixe iludir. Jamais a máquina será mais inteligente que o ser humano. Ela contém milhares de informações, mas nada sabe. Ela é capaz de vencê-lo no xadrez – porque alguém semelhante a você e a mim a programou para jogar. Ela exibe os melhores filmes e nos permite escutar as mais emocionantes músicas, mas nunca se deliciará com o amplo cardápio que nos oferece.
Se você prefere a máquina às pessoas e a usa como refúgio de sua aversão à sociabilidade, trate de procurar um médico. Porque sua auto-estima está lá embaixo e o computador não haverá de encará-lo como se fosse um verme. Ou sua auto-estima atingiu os píncaros e você acredita que não existem pessoas à sua altura, melhor ficar sozinho.
Nas duas hipóteses você está sendo canibalizado pelo computador. E, aos poucos, se transformará num ser meramente virtual. O que não é uma virtude. Antes, é a comprovação de que já sofre de uma doença grave: a síndrome do onanismo eletrônico.
Correio da Cidadania
07-Nov-2009

Frei Betto 


segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Juventude Estigmatina inicia processo de preparação para o seu Iº Encontro Internacional

   “Quando a gente encontra Deus, coração não consegue calar, 
vai aos outros, vai testemunhar...” 



   A Juventude Estigmatina do Brasil recebeu de braços abertos o chamado para ajudar organizar a pré-jornada mundial da Juventude em 2013, realizando assim, o Primeiro Encontro Internacional da Juventude Estigmatina. Este encontro acontecerá na cidade de São Caetano do Sul, SP entre os dias 15 e 22 de julho de 2013. Para prepará-lo, 32 jovens se reuniram em São Caetano do Sul, SP no dia 01 de dezembro para darem o “pontapé” inicial na realização do projeto. 
   Neste primeiro contato com a juventude para apresentar o projeto, foi possível perceber a animação e o compromisso assumidos por eles. Além dos jovens, contamos com a presença de seminaristas estigmatinos e da Congregação do Sagrado Coração. Padre Jordélio e padre Elizeu apresentaram o projeto e fizeram alguns encaminhamentos para cerimônia de abertura deste processo, que acontecerá nos dias 9, 10 e 11 de março de 2012. 
   O encontro encaminhará os jovens para a Jornada Mundial da Juventude, que acontecerá no Rio de Janeiro. Esse momento estará também, dentro de um projeto de caminhada rumo aos 200 anos de história da Congregação dos Estigmatinos. Por isso, reunirá jovens dos diversos cantos do mundo onde os Estigmatinos estão presentes, para viverem a Espiritualidade Bertoniana e planejarem a caminhada rumo a festa dos 200 anos de existência. 
   Este encontro internacional da juventude estigmatina quer congregar os jovens das nossas províncias e proporcionar um novo impulso para a Evangelização da Juventude Estigmatina espalhada pelo mundo, atendendo aos apelos da Congregação e da vida e missão da Igreja nos tempos de hoje. Com este objetivo pretende-se formar a juventude para o espírito missionário, envolvidos pelo Carisma Estigmatino e pela Espiritualidade Bertoniana. Para isso, será desenvolvido um processo de formação, com muitos encontros e materiais, onde os jovens sejam protagonistas desse trabalho. Da mesma forma, serão envolvidos os religiosos estigmatinos para assumirem com mais afinco, o ministério próprio de nossa Congregação. 
   Esse grupo que iniciou a preparação do encontro internacional decidiu se reunir mensalmente para rezar e partilhar o andamento das equipes. Ao longo da caminhada mais jovens serão agregados ao grupo. Esses, serão capacitados para elaborar materiais juvenis e acompanhar a juventude em suas realidades. Essa primeira etapa será o momento de “encantar” e “envolver” a juventude fortalecendo-a para vivencia em grupo na paróquia onde vive.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

A Juventude Missionária Completa 10 anos de caminhada


Neste fim de semana estive com a Juventude Missionária – JUMI – de Itararé, SP, celebramos 10 anos de caminhada deste grupo. Para reviver sua história, eles convocaram a juventude de Itararé para algumas atividades (cristoteca, missa jovem e encontrão). No dia 27 de novembro realizamos um grande encontro e contamos com centenas de jovens que celebraram, cantaram, apresentaram teatros e viveram a mística juvenil.
  Alguns pregadores vindos de Cascavel e Piracicaba ajudaram a juventude refletir e rezar sua história, caminhada e opções de vida.
A JUMI é o fio que liga os grupos de jovens da paróquia Nossa Senhora da Conceição de Itararé, tem a missão de tornar discípulos de Cristo essa juventude. Assim como orienta o doc. 85 da CNBB, a JUMI procura, “com criatividade pastoral apresentar e testemunhar Jesus Cristo dentro do contexto em que o jovem vive hoje e como reposta às suas angústias e aspirações mais profundas...um Jesus que caminha com o jovem, como caminhava com os discípulos de Emaús, escutando, dialogando e orientando.”
Que esses 10 anos de existência seja tomado como fortalecimento de caminhada através da experiência dos momentos bons e difíceis. Desejo que esta equipe seja sempre reanimada pelo desejo de favorecer uma experiência de crescimento na fé a muitos jovens.
Após o encontro foi possível sentar e começar planejar 2012. Quantos sonhos bonitos. Agora é necessário colocar mãos à obra para por em prática o que planejamos.
Essa Juventude Estigmatina tem muito a nos ensinar, principalmente pela organização e empenho nos trabalhos. Desejo que continuem sempre dispostos a enfrentar os desafios impostos pela luta e lutem pela vida da juventude. 

domingo, 20 de novembro de 2011

PJEst realiza grande encontro com crismandos de Santo Antônio do Sudoeste


   Nos dias 19 e 20 de novembro a pastoral da juventude estigmatina realizou em Santo Antônio do Sudoeste, PR, um grande encontro com jovens crismandos, preparando-os para receber o sacramento da Crisma. Quase 300 jovens participaram deste encontro.
   Este encontro faz parte de 4 momentos. Primeiro há uma preparação para os catequistas desta etapa, preparando-os para realizar oficinas com a juventude. O segundo momento é um encontro de preparação para receber o sacramento da crisma. O terceiro momento é um EJC e o quarto encontro é um curso de dinâmica para lideres.
    Pe. Elizeu coordenou o encontro e contou com o auxilio de Pe. Vanderlei Carlos e das irmãs lurdinas que auxiliam nos trabalhos pastorais da Paróquia Santo Antônio de Pádua. Houve momentos de oficinas sobre comunidade, orações, brincadeiras e falas sobre o compromisso que este sacramento impõe.

É o segundo ano que acontece este encontro e atingiu mais de 700 jovens que são chamados a fazerem parte da comunidade de forma ativa. A preocupação é dar continuidade no acompanhamento desta juventude santoantoniense.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Juventude Estigmatina de Marília



O grupo de jovens Stalum (sal da terra, luz do mundo) da Paróquia Santo Antônio de Marília, que se reúne todos os domingos, fez, no dia 13 de novembro, um encontro onde começou projetar o ano de 2012. É um grupo que ousa sonhar e um dos sonhos é proporcionar a outros jovens a experiência de viver em comunidade.
Muitas coisas simples da vida, não podem ser esquecidas, pois são fundamentais para revitalizar as energias da luta de muitas pessoas. Isso foi discutido com os jovens neste encontro. Falou-se do ouvir e do abraço, atitudes simples, mas que podem significar muito para as pessoas, principalmente para aqueles que passam pela experiência do desânimo.
Pe. Elizeu projetou com os jovens alguns encontros para o ano de 2012. Esses encontros estão dentro do projeto do Encontro Internacional da Juventude Estigmatina que visa fortalecer os grupos juvenis nas paróquias.
“Um raio de esperança para nosso grupo” essa foi a fala de alguns jovens logo após a apresentação do projeto do Encontro internacional da Juventude Estigmatina. Juntos, será possível encantar a juventude de Marilia para viver a experiência de comunidade e inseri-los na vivência da espiritualidade estigmatina partilhando com jovens de outras realidades.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Retiro com jovens de Ribeirão Preto



 Aconteceu nos dias 29 e 30 de outubro, o Retiro de Jovens 2011 que freqüentam a igreja Nossa Senhora de Fátima na cidade de Ribeirão Preto.
O retiro aconteceu na Casa de Retiro São Luiz na cidade de Brodowski com o tema escolhido “Eu vim para que tenham vida e a tenham vida em abundancia.” Jo 10-10
O retiro foi organizado pelos jovens Camila Bin e Cadú Jr., e conduzido pelo jovem Pe. Vinicios Augusto e contou com cerca de 30 jovens. Foi um final de semana abençoado e especial focados em 4 pontos principais do evangelho de João e vários momentos de deserto, e quem quisesse podia se confessar e conversar com Pe. Vinicios.
Na noite de sábado foi realizada 3 dinâmicas bem profundas e tocantes na capela da casa de retiro e no final da noite houve um dos momentos mais emocionante do retiro, a exposição do Santíssimo.
Esse final de semana tão especial terminou no domingo com a santa missa e a divulgação dos coordenadores do Retiro 2012, Sandro e Daiane. Desejamos a eles muita sabedoria e inspiração divina na preparação do próximo retiro.

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Diocese de Piracicaba reúne milhares de Jovens no DNJ em Capivari, SP




No dia 06 de novembro a Diocese de Piracicaba celebrou o Dia Nacional da Juventude – DNJ em Capivari, SP. Quase 3 mil jovens estiveram presentes no evento. A Juventude estigmatina estava presente com dezenas de jovens.
As atividades deste dia iniciaram com a Missa presidida pelo Bispo D. Fernando, no Ginásio de esportes da cidade, que estava completamente lotado. Em seguida os jovens saíram em caminhada, até a praça central onde participaram de diversas atividades. A equipe organizadora preparou atividades para todos os gostos. Shows, Sarau, oficinas, jogos, passeios ecológicos, adoração ao Santíssimo, etc.
A juventude estigmatina estava presente com muitos jovens. Nesta diocese há três paróquias estigmatinas (Santa Cruz em Rio Claro, São José em Corumbataí e Santa Olimpia e Santana em Piracicaba). Foi um forte momento de integração com o setor juventude da diocese.
Apesar da riqueza de atividades e da integração juvenil, houve pouca menção ao tema do DNJ. Na celebração não houve nenhuma referência às jovens mulheres. Era uma ótima oportunidade para celebrar o protagonismo feminino. No entanto, o tema foi rezado durante a caminhada rumo a praça central da cidade.
Devemos refletir cada vez mais no papel das mulheres em nossa comunidade e sua contribuição para a construção da Civilização do Amor. Isso deve ser pensado e apresentado para encaminhar ainda mais essa construção da Civilização do Amor em plena comunhão com todos os que sonham com um mundo mais justo e que vivem a “ternura” nas relações comunitárias.

FABER se reúne em Corumbataí e se compromete com o Primeiro Encontro Internacional da Juventude Estigmatina



       Nos dias 5 e 6 de novembro a Familia Bertoniana – FABER – se reuniu na fazenda Santana para mais um encontro. Mais de 60 pessoas estavam presentes. Entre elas 10 pessoas representando a FABER do Chile. O encontro foi conduzido pelo Pe. Jodélio Siles Ledo e auxiliado pelos seminaristas Thiago Cordeiro, Zimri, Roberto e Denilson.
    Durante o encontro, Pe. Elizeu apresentou o projeto do Primeiro Encontro Internacional da Juventude Estigmatina e pediu ajuda em alguns pontos específicos. Os membros da Faber se comprometeram em rezar semanalmente o terço e mensalmente meditar os estigmas em intensão do encontro; Apadrinhar os jovens de suas respectivas paróquias que participarão no encontro; Confeccionar uma lembrancinha para os participantes do encontro.
    Este encontro foi um forte momento de realimentar a fé, sentir-se família com os estigmatinos e comprometer-se com os trabalhos de evangelização nas paróquias.

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Em Belo Horizonte, Pastorais da Juventude preparam Atividades Permanentes dos próximos anos

   Entre os dias 4 a 6 de novembro, mais de trinta jovens e assessores/as das Pastorais da Juventude e da Rede Brasileira de Centros e Institutos de Juventude estiveram reunidos/as por ocasião do Seminário Nacional de Preparação das Atividades Permanentes das PJs. 
    O Seminário foi um tempo de avaliação e discernimento da missão das Pastorais da Juventude, por meio das Atividades Permanentes. Foi também uma oportunidade de reflexão sobre a conjuntura atual, que implica em desafios e oportunidades para a atuação das PJs nos próximos anos. 
   No desejo de fidelidade ao seguimento de Jesus Cristo, a reflexão dos/as jovens e assessores/as foi iluminada pela Palavra de Deus, já em clima de celebração dos 50 anos do Concílio Vaticano II, e orientada pelas das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil 2011-2015. Para pensar o caminho das Atividades Permanentes, também foram iluminadores a Campanha da Fraternidade 2012, o caminho de preparação da Jornada Mundial da Juventude em 2013, o Projeto de Revitalização da Pastoral Juvenil e o documento do CELAM “Civilização do Amor – Projeto e Missão”. 
   No Seminário, marcado por momentos de oração, de estudo, de debate e construção coletiva, definiu-se o eixo central das Atividades Permanentes das PJs para os próximos três anos, os temas, lemas, iluminações bíblicas e eixos centrais de cada uma das APs. O eixo rezado e assumido para as Atividades Permanentes dos próximos anos (2012, 2013 e 2014) é: A defesa da vida na construção da Civilização do Amor. Este eixo está inspirado na missão das Pastorais da Juventude no Brasil e no continente e dialoga com o desafio da Igreja no Brasil e na América Latina nos próximos anos no que diz respeito à evangelização da juventude. A defesa da vida é o aspecto central da ação evangelizadora das PJs e ao se realizar, aproxima de nós a Civilização do Amor, antecipando os sinais do Reino, que só pode acontecer se a vida for prioridade e abundante. No caminho refletido e assumido para as Atividades Permanentes, definiu-se a temática, o lema e a iluminação bíblica da Semana da Cidadania e da Semana do Estudante, uma vez que o Dia Nacional da Juventude foi assumido pela Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da CNBB e já teve seu tema definido.
   Confira abaixo, os temas, os lemas e as iluminações bíblicas das Atividades Permanentes das PJs para o ano de 2012: 
 Semana da Cidadania 14 a 21 de abril de 2012
                      Tema: Juventude e saúde alimentar
                      Lema: É preciso ter certeza do que se põe na mesa
                      Referencial Bíblico: Ap 22, 2 e Jo 6, 27
 Semana do Estudante 06 a 12 de agosto de 2012
                      Tema: Semana do Estudante - 10 anos sonhando e construindo a civilização do amor
                      Lema: No caminho da história, a opção por uma educação libertadora
                      Referencial Bíblico: Lucas 24, 13-35
 Dia Nacional da Juventude
                     Tema: Juventude e Vida
                     Lema: Que vida vale a pena ser vivida?
                     Referencial Bíblico: Jo 10, 10
 As Atividades Permanentes das PJs são realizadas em parceria com a Rede Brasileira de Centros e Institutos de Juventude que contribuem com a elaboração dos subsídios e com a sua realização em várias partes do país. Participando do Seminário, por meio do Centro de Juventude Anchietanum, do Instituto Paulista de Juventude, do Instituto de Pastoral da Juventude – Leste 2 e dos Centros Maristas de Juventude, a Rede Brasileira reafirmou seu compromisso com o serviço às Pastorais da Juventude, por meio da parceria na construção das Atividades Permanentes e da assessoria. 
 Além de definir tema e lema das Atividades, as Pastorais da Juventude e a Rede definiram as responsabilidades referentes aos materiais do ano que vem e identificaram os principais desafios para a sua realização. Dentre os desafios identificados está a questão do financiamento, para garantir a impressão e distribuição dos materiais. 
   Diante dos muitos desafios internos e externos para a realização da missão das Pastorais da Juventude e das oportunidades que motivam a teimosia do seguimento, elas reafirmaram sua fidelidade e ousadia no seguimento de Jesus Cristo e na colaboração com a realização de seu Projeto, no cuidado com a vida dos/as jovens e dos/as pobres. 
 Fonte: http://www.pj.org.br/noticias.php?op=ExibeNoticia&idNot=1090 http://www.cnbb.org.br/site/imprensa/noticias/8050-em-belo-horizonte-pastorais-da-juventude-preparam-atividades-permanentes-dos-proximos-anos

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Dia Nacional da Juventude 2011



O Dia Nacional da Juventude 2011, na Arquidiocese de Campinas,  irá acontecer no dia 06 de Novembro, na cidade de Sumaré.

Este ano, o DNJ  volta o seu olhar para a mulher, com o  Tema: Juventude e Protagonismo Feminino  e o Lema: Jovens Mulheres Tecendo relação de vida. A reflexão que o DNJ quer propor, além de celebrar a vida e a luta da mulher, é denunciar todos os tipos de discriminação contra a mulher.

Vamos juntos celebrar este dia com toda juventude.


Formação Permanente dos Religiosos Estigmatinos



Nos dias 25 e 26 de outubro mais de trinta religiosos Estigmatinos estiveram reunidos na Fazenda Santana, em Corumbataí, para a Formação Permanente. Durante esses dias estudaram sobre a Carta de São Paulo aos Romanos. O estudo foi orientado pelo Cônego Celso Pedro.
“É preciso congregar, reunir, muitos operários do Evangelho sob um mesmo espírito. A união faz a força. Enquanto estivermos isolados e cada um procurar os próprios interesses (Fl 2,21), não obteremos nada, seremos vencidos um a um, quando nos unimos procurando os interesses de Jesus Cristo, então obteremos tudo, venceremos todas as adversidades. Por isso, nosso Senhor dizia: ‘que eles sejam um como nós somos um’ (Jô 17, 11; 21).” (Gramática de São Gaspar, pg 308).

Com esse espírito, os confrades das duas províncias brasileiras (Santa Cruz e São José) se dedicaram ao conhecimento da Palavra de Deus para beberem da fonte inspiradora e dedicarem-se ao trabalho pastoral com maior afinco. 

domingo, 23 de outubro de 2011

Vilmar José de Castro


23 de outubro de 1986: um jovem de 26 anos era assassinado em Caçu/GO, Diocese de
Jataí. Seu nome: Vilmar José de Castro. Sua vida: vida doada no compromisso com os pobres,
na luta pela terra para todos/as, na vida em comunidade, na atuação pastoral, no serviço
da catequese, no estudo popular da Bíblia e vida vivida no seguimento coerente a Jesus. A
causa do assassinato: testemunhar o Evangelho do Reino de Deus e a pessoa de Jesus Cristo
militando na causa da terra e na defesa dos pobres. Os mandantes do crime: o latifúndio
opressor de vidas e da terra.

23 de outubro de 2011: jubileu de 25 anos do martírio de Vilmar de Castro. Nossa
missão e compromisso: manter viva a memória da vida, do testemunho e do martírio de
Vilmar de Castro para animar-nos a seguirmos, com esperança, no compromisso radical com
os pobres, na luta pela terra, no serviço ao/à outro/a, na construção do Reino de Deus e no
testemunho coerente de Jesus Cristo.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

JUMI


JUMI - Juventude Missionária de Itararé


Olá, JOVEM tudo bem?
Tenho um convite pra VOCÊ...

A JUMI – Juventude Missionária de Itararé está comemorando 10 anos de história, e VOCÊ é um convidado mais que especial a celebrar e participar conosco esse grande momento, por isso venha traga seus amigos e familiares, convide a galera e toda a sua turma para juntos celebrarmos essa grande festa, onde teremos diversos momentos de descontração e animação:

Veja os nossos eventos e programe-se desde já!

DIA 14/11- Missa Jovem às 20h NA IGREJA SÃO PEDRO

DIA 19/11- CRISTODANCE ÀS 21H NO MC FEST 

INGRESSOS ANTECIPADOS A R$7,00 E NO DIA R$10,00.

PONTOS DE VENDAS: IGREJA SÃO PEDRO COM O PELÉ E COM A EQUIPE CENTRAL DA JUMI.



DIA 27/11- ENCONTRÃO DA JUVENTUDE
NA ESCOLA HERCULANO PIMENTEL COM INICIO AS 07H E TERMINO ÀS 17H.
CONTAREMOS COM A PRESENÇA DO PADRE ELIZEU, DO PREGADOR CLEBER DE PIRACICABA E DOS PREGADORES MARCINHO E TONY DE CASCAVEL, COM A ANIMAÇÃO DO MINISTÉRIO DE MUSICA ROSA MISTICA...


INGRESSOS ANTECIPADOS A R$3,00
E NO DIA R$5,00 (INCLUINDO CAFÉ DA MANHÃ, ALMOÇO E CAFE DA TARDE).

PONTOS DE VENDAS: IGREJA SÃO PEDRO COM O PELÉ, GRUPOS DE JOVENS E EQUIPE CENTRAL DA JUMI.

NÃO DEIXE DE PARTICIPAR DESSA COMEMORAÇÃO!!!

Realização JUMI – Juventude Missionária de Itararé
Paróquia Nossa Senhora da Conceição
Diocese de Itapeva/SP
Informações pelo e-mail juventudephn@gmail.com

quinta-feira, 13 de outubro de 2011


Na tarde de 9 de Outubro de 1777, a cem metros da paróquia de S. Paulo in Campo Marzo, em Verona, às dezesseis horas em ponto, na Rua de Soto (hoje rua Nicola Mazza), a senhora Bertoni dava à luz um menino que se tornaria importante para a cidade de Verona.
Ninguém então o teria imaginado, embora muitos dos parentes o pressentissem, porque estava sendo esperado com paciência.
Mamãe Brunora já havia decidido que, se fosse menino, seu nome seria Gaspar. Entre os antepassados, outros com o mesmo nome haviam se distinguido pelo talento e capacidade de administrar o notável patrimônio Bertoni. O último havia sido o avô do nosso Gaspar.
Embora Gaspar Bertoni tenha nascido há mais de dois séculos atrás, ele pensava e agia como uma pessoa de hoje. Basicamente, desde o princípio de sua vida, ele sabia para onde ia e tinha certeza de chegar lá. Gaspar era tanto um homem de seu tempo como à frente de seu tempo. É dito que, quando ele entrava em uma sala ou caminhava por uma rua cheia de gente, o povo o notava imediatamente. Eles ficavam instantaneamente cientes de sua presença. No entanto, não havia nada de espetacular em sua figura ou de extraordinário em sua face. Ele foi, na verdade, um tanto frágil e de aparência mediana. Assim, não era alguma coisa a respeito de sua aparência física que atraía a atenção. Até onde podemos presumir, era uma bondade interna que alcançava e tocava o povo.
Gaspar definiu o seu ideal ainda muito jovem. Quase tão cedo quanto estava capacitado a pensar, ele soube que iria ser padre. Sua vocação foi tal que nunca lhe suscitou dúvidas, que ele abraçou e foi determinado a levar em frente em um modo que faria o melhor para o maior número de pessoas. Para realizar isto, Pe. Bertoni desenvolveu uma rigorosa disciplina e ordem dentro de si mesmo que perdurou e lhe valeu por toda a sua vida. Não havia espaço para auto-questionamento, indecisão ou desencorajamento em sua vida diária.
Cedo em seu ministério, ele fundou uma escola em que procurou fornecer educação da mais alta qualidade, quando a educação para o povo era quase inexistente. Novamente, apesar de sua profunda preocupação pelas necessidades dos outros, ele edificou uma instrução que foi um dos primeiros modelos de excelência escolástica. Por não comprometer seus ideais, por não contentar-se  em simplesmente encontrar exigências civís e por ir além do que era necessário, Gaspar Bertoni foi capaz de dar aos jovens uma fundamentação em que ele edifica vidas cheias de sentido.
Mas o principal e determinante sonho de toda a vida de Pe. Bertoni era a formação de uma congregação seleta, tendo sua própria muito especial missão. O grupo, bem ao modo de uma moderna força-tarefa, seria destinado à fonte das necessidades diocesanas; corrigir a situação e depois ir à frente. Foi um sonho que sua incansável determinação fez tornar-se realidade. Os bispos, que estavam tendo dificultdades dentro de suas dioceses, vieram a conhecer e depender desta nova forma de ajuda. Por causa deste conceito ser muito à frente de seu tempo, havia muitos que duvidavam de seu valor. Mas oposição foi alguma coisa que Gaspar Bertoni dominou muito bem. Ele enfrentou isso com sua propria auto-confiança. Ele estava convencido de que sua congregação iria surtir efeito; e ele fez com que isso acontecesse.
Possivelmente o dia mais feliz de sua vida foi o dia 4 de novembro de 1816. Neste dia, Pe. Bertoni formou o núcleo de sua congregação. Mais tarde, esses homens foram popularmente chamados de Estigmatinos. A partir deste pequeno e inicial grupo de padres e irmãos cuidadosamente escolhidos, a comunidade se desenvolveu e se espalhou por todas as partes do mundo.
Ao contrário da maior parte das pessoas, Gaspar Bertoni esteve disposto a atingir um ideal. Ele arriscou investir nas chances oferecidas pelo seu tempo e lugar. E, através de auto-disciplina, educação, perseverança e fé, ele dispôs-se a dissipar completamente as forças de indiferença e dúvida. Por aproveitar estas chances, ele inspirou uma comunidade fundamentada em sua própria constituição, cujo trabalho para a glória de Deus e o bem de todo o Seu povo continua nos dias de hoje.
Fontes: Um santo para nosso tempo - Pe. Lidio Zaupa, Css

terça-feira, 11 de outubro de 2011

O poder da semente



"...a tragédia ocorre quando uma árvore morre na semente."  (Myles Munroe)


Quer ver um milagre? Tente este. Tome uma semente menor do que um grão de arroz. Ponha a semente debaixo de alguns centímetros de terra. Dê-lhe água, luz e fertilizante, e prepare-se. Uma montanha será removida. Não importa se o chão é bilhões de vezes mais pesado do que a semente. A semente o rompera.
A cada primavera, sonhadores em todo o mundo plantam pequeninas esperanças em solo improdutivo. A cada primavera, suas esperanças surgem em condições desfavoráveis e brotam.
Não devemos subestimar o poder de uma semente.

Pastoral da Juventude Estigmatina realiza grande encontro


    A Pastoral da Juventude Estigmatina reuniu quase 150 jovens em um grande encontro na Fazenda Santana em Corumbataí, SP. Com o tema “Comunidade: Sinal de participação e transformação no mundo” a juventude participou ativamente das palestras, orações e gincana neste encontro que aconteceu no dia 8 e 9 de outubro com jovens vindos de Corumbataí e das comunidades de Santa Olímpia e Santana – Piracicaba e uma representante de Campinas.
   O encontro, que foi organizado e conduzido pelo seminarista Diomar, Pe. Elizeu e Pe. Emerson,  foi marcado pela espontaneidade da juventude. Suas falas, brincadeiras e alegrias revelavam o prazer do encontro, encontro com o outro, com o/a amigo/a, com pessoas novas, com um local novo.
    Durante a tarde de sábado, foi preparado uma formação regada a dinâmicas para descobrirem juntos “como ser sinal de participação” e “que modelo de Igreja a juventude anseia”. Já no período da noite, foi preparada uma gincana, 5 grupos, representando os estigmas de Cristo, apresentavam seus talentos e disputavam as provas propostas, a noite terminou com um luau, jovens cantando, conversando e se divertindo. É claro que ninguém queria dormir, aliás, alguns queriam, mas uma parte da juventude não se cansava de brincar, conversar, ouvir sua música.  

   O domingo foi marcado pela revisão das atividades anteriores e pela reflexão de como formaram comunidade e, em busca de um mesmo objetivo, estabeleceram novos laços de amizade, aprofundaram outros.
   Após a missa, celebrada em um jeito bem juvenil, o encontro terminou com o almoço. Os jovens retornaram para suas comunidades e ficou a sensação de ter lançado uma pequena semente de caminhada e de compromisso comunitário.

Uma Caminhada para Missão

 Neste mês de outubro, estamos vivendo o mês dedicado à missão. Assim como ninguém parte para missão a partir do nada, seja ela qual for, também nós cristãos católicos, percorremos um caminho nos últimos três meses para prepararmo-nos a uma ação missionária. Primeiro fomos levados a refletir sobre nossa vocação, o “CHAMADO” (agosto). Em seguida (setembro) refletimos sobre a Palavra de Deus, ou seja, a “ESCUTA” e neste mês (outubro), estamos dispostos a sair em missão, ou seja, ao “ANÚNCIO”.
Para ser missionário, antes de tudo, deve-se conhecer o que vai ser anunciado. Por isso, há a necessidade de fazer primeiro a experiência de Deus. Este, que nos escolheu primeiro: “Não fostes vós que Me escolhestes a Mim; pelo contrário, Eu vos escolhi a vós” (Jo, 15, 16). É um Deus sensível a realidade humana e nos escolhe, nos chama. Por isso, fomos convidados a estarmos com os ouvidos atentos durante o mês inteiro de agosto para escutarmos seu chamado.
Um dos meios mais fortes estarmos atentos ao apelo de Deus é a Sua Palavra. Por isso dedicamos um mês para refletirmos, rezarmos e estudarmos ainda mais a Sagrada Escritura. “A palavra de Deus é viva, é realizadora, mais afiada do que toda a espada de dois gumes: ela penetra até onde se dividem a vida do corpo e a do espírito, as articulações e as medulas e é capaz de distinguir as intenções e os pensamentos do coração”  (Heb 4,12).
Após esses passos nos tornamos comprometidos com o anúncio. Não dá para conhecer Deus e guarda-lo apenas para nós. Sabemos que missão vem de um termo latino missus que quer dizer enviado. Significa enviar alguém para realizar uma tarefa. No sentido religioso, missão é enviar alguém para ser um sinal da presença divina, para transmitir a mensagem divina às pessoas.
Somos convidados a sermos sinal de Deus na vida daqueles que convivem conosco. Talvez o local mais difícil de sermos missionários seja em nossa própria realidade, nossa própria casa. Mas é justamente aí que Deus se revela através de nossa presença. Por isso, respondendo ao chamado divino, através da Sagrada Escritura, devemos nos tornar missionários constantemente, levando outras pessoas a uma experiência mais profunda de Deus.
É interessante destacar que estamos em um contexto de pós-modernidade e é neste contexto desafiador que somos enviados por Deus, através da Igreja, para sermos um sinal de sua presença e para transmitirmos sua mensagem à sociedade atual. Também hoje a mensagem divina deve responder a situações concretas vividas pelas pessoas, variando conforme o lugar e o tempo. É uma mensagem que anuncia o amor de Deus e denuncia a falta deste amor entre as pessoas.
A evangelização na pós-modernidade reconhece que a mensagem divina já foi transmitida às pessoas, através da cultura religiosa familiar ou, até mesmo, dos meios de comunicação. Por isso, as missionárias e missionários não levam Deus às pessoas. Antes as ajudam a redescobrir a beleza e a alegria de viver a fé cristã em comunidade. 

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Ordenação Sacerdotal do Pe. José Roberto css


No dia 01 de outubro, em uma belíssima celebração, o Diác. José Roberto css, foi ordenado Sacerdote na Catedral de Livramento de Nossa Senhora, BA por D. Armando Bucciol.
Vários padres estigmatinos, joseleitos e diocesanos estavam presentes, assim como seminaristas e amigos. A assembleia se comprimia para ver a ordenação de uma pessoa tão querida.
A alegria da família e principalmente do neo sacerdote era contagiante. Era possível ver nos olhos uma riqueza de vida e de simplicidade que emocionava e encantava a todos. Os momentos da liturgia foram preparados com muito carinho e atenção, isso levou a comunidade toda a rezar com muita fé e devoção. Após a ordenação houve uma recepção a todos os participantes.
No domingo o neo sacerdote presidiu sua primeira missa, foi na sua comunidade de origem, muitas pessoas estavam presentes e rezaram juntos pelo ministério do Padre José Roberto. Em seguida foi oferecido um churrasco na casa da mãe do Padre José Roberto. Com uma acolhida gostosa de mãe, foi possível se divertir, conversar e comer muito bem.
Sabemos do compromisso assumido por este jovem e certamente o desafio que terá pela frente, mas Jesus chama-o para permanecerdes com ele (cf. Mc 3, 14) numa intimidade privilegiada. Exige uma pobreza mais rigorosa (cf. Mt 19, 22-23) e a humildade do servo que se faz o último de todos (cf.Mt 20, 25-27). Pede-vos que seja perfeito "como é perfeito o vosso Pai celeste" (Mt 5, 48). Por isso, Padre José Roberto, conte com a presença e incentivo dos confrades e de todo povo de Deus. Certamente estamos muito felizes com sua opção de vida e faremos o possível para ajuda-lo nesta caminhada.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

EVP Estigmatina retoma trabalhos na Província Santa Cruz



Entre os dias 23 e 25 de setembro a Equipe Vocacional Paroquial (EVP) da Província Santa Cruz esteve reunida na Fazenda Santana, em Corumbataí, SP. Mais de 20 pessoas representando nossas paroquias. Embora não soubessem bem como seria encaminhado o novo trabalho vocacional, todos se apresentavam cheios de sonhos e com muita vontade de atuar.
O encontro iniciou na sexta-feira a noite e era visível a alegria e a expectativa depois de tanto tempo sem os encontros das EVPs. Outro ponto interessante era a curiosidade de todos, isso foi um ingrediente a mais, pois motivava a equipe e todos os participantes a construírem juntos uma nova caminhada para o trabalho vocacional na província.
O sábado e domingo foram marcados pela espiritualidade; pela apresentação das atividades da equipe liberada que atualmente é formada pelo Pe. Vinicios, Ir. Luciano, Pe. Vanderlei e Pe. Elizeu; e pelos trabalhos em grupos. Essas atividades favoreceram um conhecimento maior em relação à espiritualidade bertoniana e o carisma estigmatino e, assim, planejar melhor as atividades para atingir a juventude em nossas paróquias.
O encerramento foi marcado pela emoção da despedida e a certeza de uma retomada interessante na caminhada vocacional da Província Santa Cruz. A presença de pessoas novas, principalmente de jovens, representa um novo vigor nesta pastoral tão importante para nossa congregação.
Agradecemos muito a todos que participaram e também aos padres que favoreceram a presença dessas pessoas. Queremos deixar o convite para que todas as paróquias incentivem a formação das EVPs e tenham a certeza que acompanharemos cada equipe com muito carinho e atenção. 

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Consagração perpétua da Irmã Elizete da Conceição

“Nenhuma criatura nos separará do amor de Cristo” Rm 8, 39

No dia 11 de setembro de 2011, o Instituto da Imaculada Conceição de Nossa Senhora de Lourdes, bem como toda Igreja celebrou alegremente a entrega definitiva de mais uma irmã a serviço do Reino de Deus.

A Irmã Elizete da Conceição fez os votos de Castidade, Pobreza e Obediência por toda vida e celebrou esse momento na pequena comunidade do Km 13 da cidade de Santo Antônio do Sudoeste, PR. A comunidade estava cheia de religiosos, amigos e familiares e todos com o coração repleto de felicidade por esta jovem que disse o seu SIM definitivo à Vida Consagrada.

A missa foi presidida pelo irmão

gêmeo da professanda, Pe. Elizeu da Conceição. Juntos, eles dedicam-se a serviço do povo através da Vida Consagrada.

A Ir. Elizete é natural de Santo Antônio do Sudoeste, e aos 15 anos entrou para o convento. Morou em Santo Antônio do Sudoeste, Rio de Janeiro, Petrópolis, Piracicaba, União d’Oeste, Lourdes e atualmente reside em Romelândia. Durante esse período preparou-se para responder de forma consciente e madura o chamado divino. E em um momento lindo e emocionante procurou imitar Maria: “Eis aqui a serva do Senhor”. Escolheu como lema de vida a passagem da carta de São Paulo aos Romanos: “Nenhuma criatura nos separará do amor de Cristo”(8,39). Esse lema une todo projeto da vida com a união íntima a Cristo.

Essa consagração perpétua é uma forma de revelar a todos que Jesus Cristo é o sentido pleno de toda sua vida. Por isso, todos querem encontrar na vida, nas palavras e nas atitudes dessa Irmã

a presença amiga e comprometedora de Jesus Cristo.

Desejamos que essa radicalidade na entrega a Cristo possa dar sentido a vida das pessoas que convivem ou simplesmente passam ao seu lado.

sábado, 17 de setembro de 2011

I EJC em Santo Antônio do Sudoeste


A Paróquia Santo Antônio de Pádua, em Santo Antônio do Sudoeste, PR, viveu nos dias 03 e 04 de setembro o primeiro Encontro de Jovens com Cristo (EJC). Foi um grande sucesso em relação ao andamento do encontro e participação da juventude, pois 97 jovens estiveram presentes neste encontro.

Depois de muitos dias de preparação, as equipes conseguiram articular com maestria cada detalhe para o EJC. Desde a preparação do ambiente até a alimentação e materiais. Tudo transcorreu de forma harmoniosa e animada. Os jovens foram aos poucos se soltando e participando ativamente de cada moment

o proposto.

O EJC é um meio que serve como ponto de partida para a formação e inserção de jovens na comunidade e para o exercício de uma vida cristã. Tendo em vista que “a Igreja evangelizadora faz um veemente apelo para que os jovens nela busquem o lugar de sua comunhão com Deus e os homens, a fim de construir A CIVILIZAÇÃO DO AMOR e edificar a paz na justiça”, o EJC quer proporcionar essa experiência, pois mostra que a Igreja é formada por essa rapaziada, com seus sonhos, seus projetos, suas brincadeiras, suas limitações etc.

O sentimento de gratidão às pessoas envolvidas na organização deste encontro e aos jovens encontristas é muito grande, pois foi um final de semana marcante em nossas vidas, especialmente na vida dos jovens de Santo Antônio do Sudoeste. A juventude estigmatina contou com mais esse meio de evangelização, agora vamos juntos organizarmo-nos em grupos de base e proporcionar a todos novas experiências com o divino.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

17ª Romaria da Juventude do Sul 1 em Araras



Sob o sol das terras de Araras, cerca de 8.000 jovens de todos os cantos do estado de São Paulo fizeram acontecer a 17ª Romaria da Juventude do Regional Sul 1, esse ano com o tema “Maria, mulher que gera vida e libertação” e com o lema “Juventude, vida gerada no seio da terra”.

A partir das 5h da manhã começaram a chegar os primeiros romeiros no ginásio municipal de Araras, onde iniciou-se a Romaria com apresentações culturais que animaram os jovens que não paravam de chegar e de encher o ginásio municipal.

Antes da celebração um momento marcante foi a entrada de Nossa Senhora Aparecida,


conduzida em uma tocha e levada a cavalo no meio dos jovens, e entregue ao bispo referencial da juventude do estado de São Paulo, Dom Antonio Carlos Altieri, sdb que junto bispo da diocese de Limeira, Dom Vilson Dias de Oliveira, DC conduziram a imagem no meio da juventude.

Com esse momento iniciou-se celebração solene que foi celebrada por Dom Antonio Carlos Altieri, que ressaltou a importância do trabalho junto à juventude pelos romeiros, e partilhou sobre Jornada Mundial da Juventude em Madri, onde muitos pejoteiros estarão presentes.

Com o final da celebração os jovens começaram a se concentrar na entrada do ginás

io para dar inicio a caminhada da Romaria, animados pela banda JEPEC, todos seguiram em caminhada pelas ruas da cidade de Araras, fazendo paradas reflexivas preparadas pelas sub regiões. A primeira parada foi no local onde dois jovens da cidade morreram assassinados devido a uma discussão de transito e foi trabalhada sob o eixo da campanha nacional contra a violência e extermínio de jovens. Já a segunda parada foi em frente à Basílica de Nossa Senhora do Patrocínio e foram lembradas as mulheres e todas as formas de exclusão que elas sofrem no dia-a-dia. A terceira e última parada foi no entorno do lago municipal, onde através de um gesto concreto os jovens romeiros “abraçaram” o lago e foi feita uma mística com base no tema e no lema da Romaria.

Finalizando a Romaria, novamente no ginásio municipal, um grupo local de maracatu animou os jovens romeiros que celebraram com muita alegria esse momento de encerramento. Partindo para suas casas com o compromisso de levarem essa “vida e libertação” para as bases fortalecendo cada vez mais o projeto do Reino de Cristo em nosso meio. Toda a equipe da Romaria agradece a presença de todos em mais essa linda página da história do Regional Sul 1.

Equipes de Trabalho
Equipe da Romaria
Coordenação e Assessoria Regional 1

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Semana do Estudante 2011


Aos Jovens espalhados/as por esse Brasil,

Com grande alegria as Pastorais da Juventude (PJ, PJE, PJMP e PJR), juntamente com a Rede Brasileira de Centros e Institutos de Juventude divulgam o subsídio da SEMANA DO/A ESTUDANTE de 2011, que tem como objetivo de provocar a movimentação e dar oportunidade para que os/as jovens vivenciem com maior envolvimento o dia 11 de agosto, dia do/a estudante, data tão importante para Juventude. O material trás como temática nesse ano a discussão sobre as juventudes das comunidades negras e indígenas, que são pontos de resistência diária, recriando formas de viver, crer, educar e conceber a vida.

Esse ano a Semana do/a Estudante acontecerá de 08 a 14 de agosto, com o Tema: Juventude Negra e Indígena: Comunidades de resistência; e Lema: Dos tambores e cirandas à luta pela vida; Um momento para que a Juventude reflita sobre os jovens que por muito tempo e até os dias de hoje vivem à margem da sociedade, que exclui e desumaniza.

O subsídio propõe encontros, celebração, textos, vídeos, dinâmicas para serem trabalhadas. Além de propostas para o trabalha antes, durante e depois da Semana do Estudante, pois temos em vista que a grandiosidade da temática proposta não pode se esgotar em apenas uma semana, essa deve ser apenas a primeira de varias discussões sobre esta rica temática que carece aprofundamento, resistência e luta.

Então, façamos dessa Semana um ato de resistência, um momento de celebrar, festejar, mas acima de tudo de lutar por aquilo que é de direito, pela vida de muitos que já se foram nesses anos e de tantos outros que se perderam ao longo da história. O material trás base para que essa discussão seja profunda e transformadora, por isso divulguem e espalhem aos cinco cantos do Brasil o canto que o negro entoou, o grito da “Terra sem males”.

Para fazer o download da cartilha e do cartaz da Semana do/a Estudante 2011 clique nos links abaixo:
http://www.pj.org.br/noticias.php?op=ExibeNoticia&idNot=933
Pastoral da Juventude
Pastoral da Juventude Rual
Pastoral da Juventude Estudantil
Pastoral da Juventude do Meio Popular
Rede Brasileira de Institutos de Juventude
Casa da Juventude - Padre Burnier